Amhaj

Para que possais trilhar a senda luminosa é preciso responder ao Chamado. Isso significa vencerdes provas, nas quais terão confirmado o vosso elo com a verdade e com a luz. Todos os seres, um dia, penetram essa senda e alcançam a Morada Celestial. Porém, eons se passam até que o ciclo se consume. Não vos intimideis frente ao mal. Não desafieis o inimigo. Não retardeis vosso caminhar pelo clamor do passado. A poeira dos tempos será lavada do vosso ser; novas vestes trajareis, e grande será o júbilo da libertação. Porém, nessa senda pisareis sobre rosas e espinhos, e devereis aprender o mistério do Bem. É tempo de justiça. É tempo de graças. Magnífico poder, o Irmão Maior se aproxima. Silenciai vosso coração e acolhei o grande amor. Tendes a Nossa paz.

Hierarquia

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Irdin


IRDIN – Idioma cósmico utilizado nos universos confederados. Por exprimir a essência criadora e arquétipos da evolução, é dinâmico e reveste-se da forma mais adequada ao estado de consciência do planeta em que se manifesta. Como vibração, está na origem e na base de todos os outros idiomas. As palavras os símbolos unificam consciências, mundos e ciclos evolutivos. O cosmos se extinguiria não fosse o som inaudível que reverbera em planos inacessíveis á maioria dos seres humanos, movendo os éteres, aglutinando partículas, criando e dissipando estruturas. A linguagem deveria ser a emanação de uma atividade e de uma disposição internas capazes de elevar a consciência.

Á medida que a unificação mental for sendo alcançada por esta humanidade, menor será o uso da palavra verbal, e assim se poderá reencontrar seu valor oculto e retomar seu uso sagrado. O Irdin voltará a ser conhecido na superfície da Terra no futuro. Não há meios externos de ensiná-lo e tampouco se pode aprendê-lo movido pela curiosidade, ambição ou desejo de conhecimento. Surge de modo espontâneo no interior do homem como decorrência da sua sintonia com a Lei e com a supraconsciência, pois é meio de comunicação ele e a vida cósmica.

Extraído do livro Glossário esotérico de Trigueirinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

Sites