Amhaj

Para que possais trilhar a senda luminosa é preciso responder ao Chamado. Isso significa vencerdes provas, nas quais terão confirmado o vosso elo com a verdade e com a luz. Todos os seres, um dia, penetram essa senda e alcançam a Morada Celestial. Porém, eons se passam até que o ciclo se consume. Não vos intimideis frente ao mal. Não desafieis o inimigo. Não retardeis vosso caminhar pelo clamor do passado. A poeira dos tempos será lavada do vosso ser; novas vestes trajareis, e grande será o júbilo da libertação. Porém, nessa senda pisareis sobre rosas e espinhos, e devereis aprender o mistério do Bem. É tempo de justiça. É tempo de graças. Magnífico poder, o Irmão Maior se aproxima. Silenciai vosso coração e acolhei o grande amor. Tendes a Nossa paz.

Hierarquia

sexta-feira, 9 de março de 2012

Fogo de Fricção. Fogo Solar. Fogo Cósmico.

FOGO DE FRICÇÃO

Fogo inerente à personalidade, promove a vida dos corpos humanos, físico, emocional e mental, se bem que em graus diferentes. O fogo por fricção necessita das polaridades universais para operar e se fazer sentir. Fonte de diversidade, liberdade, beleza e invenção, bem como do sentido do útil, do prático e da inteligência funcional, quando em excesso promove dispersão, competitividade e conflito. As oposições astrológicas são um exemplo da bi-polarização criada pela presença do fogo por fricção. Esta bi-polarização é necessária à revelação da vida criando os laboratórios experimentais de onde tanta beleza e maravilha emergem, porém quando o fogo por fricção impera na estrutura psicológica de um ser, em detrimento do fogo da alma, o fogo solar, os conflitos tornam-se destrutivos e a bi-polarização torna-se patológica.

FOGO SOLAR

Fogo inerente ao Eu Superior, a alma. Actuando sobre a personalidade equilibra-a, anulando os excessos de cada pólo psicológico constituinte.

Pleno de Amor e sabedoria o fogo solar confere uma estabilidade dinâmica à psique, conhecido em estética como movement is stasis.

Quando observamos um rio, o movimento das águas é diferente o suficiente para nos atrair e interessar, mas ao mesmo tempo suficientemente igual para o reconhecermos como familiar e apaziguador. Esse delicado equilíbrio entre alternância e continuidade, ou entre opostos e convergência é o resultado de um equilíbrio entre o fogo de fricção – dinâmico, indutor de ruptura e movimento – e o fogo solar – apaziguador e harmonizador dos opostos.

Uma psique em equilíbrio deve estar ajustada a um sentido de si estável, acima da p´ropria psique, mas constantemente envolvida numa derrapagem criativa, gerando diferença, aventura e descoberta. Um poeta-matemático, um cientista com elevada concepção espiritual, ou um místico com grandes qualidades práticas seriam um exemplo desse equilíbrio produzido pelo fogo solar na psique.

FOGO CÓSMICO

Fogo cósmico corresponde à radiação monádica, no homem, se bem que esta expressão aplica-se a âmbitos ainda mais abrangentes: a descida da potência pura da mente dos deuses nos receptáculos da sua própria criação, devidamente estabilizados.

O fogo cósmico, inerente à Mônada, transcende as polaridades da Criação, usando como base de expressão o equilíbrio produzido pelo fogo solar, inerente ao Eu Superior.

Quando o fogo cósmico se anuncia no horizonte da consciência de um ser muitas etapas foram vividas, sintetizadas e ultrapassadas. Depois de vidas dedicadas ao fogo por fricção, ampliador da dualidade universal, e outras vidas sob a regência do fogo solar, que porta em si a paz e a harmonia que advêm do equilíbrio das polaridades, chega o momento em que um fogo mais potente estritamente espiritual, se faz sentir, elevando o ser além das polaridades estruturais do universo e além mesmo do nível da Harmonia.

Esse é o fogo do Espírito.

Extraído do Livro Terra Última

p. 603-604

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

Sites