Amhaj

Para que possais trilhar a senda luminosa é preciso responder ao Chamado. Isso significa vencerdes provas, nas quais terão confirmado o vosso elo com a verdade e com a luz. Todos os seres, um dia, penetram essa senda e alcançam a Morada Celestial. Porém, eons se passam até que o ciclo se consume. Não vos intimideis frente ao mal. Não desafieis o inimigo. Não retardeis vosso caminhar pelo clamor do passado. A poeira dos tempos será lavada do vosso ser; novas vestes trajareis, e grande será o júbilo da libertação. Porém, nessa senda pisareis sobre rosas e espinhos, e devereis aprender o mistério do Bem. É tempo de justiça. É tempo de graças. Magnífico poder, o Irmão Maior se aproxima. Silenciai vosso coração e acolhei o grande amor. Tendes a Nossa paz.

Hierarquia

Tuesday, January 24, 2017

NEUROCIENTISTAS DESCOBREM QUE ESSA MÚSICA REDUZ EM 65% O STRESS E ANSIEDADE.

Áudio Download: https://drive.google.com/open?id=0BwO6gH2RPoL6ekNRU0VHenI5Tms

Album Completo Download: https://drive.google.com/open?id=0BwO6gH2RPoL6TWFDR2VpZXFISGc


Stress, ansiedade, depressão são talvez o mal do século. O mundo moderno onde o contato entre as pessoas se tornou cada vez mais digital contribui muito para esses estados. 

Gadgets tendem a ser nossa janela para o mundo. Mas há um lado sombrio nisso, anecessidade de manter-se sempre no topo e seguir o que está todo mundo fazendo nas mídias sociais – também conhecido como Fomo, ou o medo de perder.

“Fomo é muito real e pode ser um vício constante que afeta os níveis de ansiedade e a sensação geral de bem-estar“, diz Kruger.

A mídia social nos permite comparar tudo – relacionamentos, dieta, imagem, beleza, riqueza, padrão de vida – não só com nossos amigos, mas com celebridades também. 

E, algumas pesquisas mostram, que o tempo nas mídias sociais “pode causar depressão em pessoas que se comparam com os outros“.


A música 

Pesquisadores da Mindlab International, na Reino Unido, queriam saber que tipo de música induz o maior estado de relaxamento. 

O estudo envolveu os participantes que tentavam resolver enigmas difíceis – isso desencadeou um certo grau de estresse neles – enquanto estavam conectado a sensores.

Ao mesmo tempo, os participantes ouviram uma variedade de músicas, onde os pesquisadores mediram sua atividade cerebral, freqüência cardíaca, pressão arterial e taxa de respiração.

O que eles descobriram é que uma canção – “sem tanta importância” – resultou em uma impressionante redução de 65 por cento na ansiedade geral dos participantes e uma redução de 35 por cento em suas taxas fisiológicas normais de repouso.

Curiosamente, a música escolhida tinha sido projetado para induzir um alto grau de relaxamento, e os cientistas não sabiam a origem da música.

Criada por Marconi Union, os músicos se juntaram com especialistas em som para organizar cuidadosamente harmonias, ritmos, que por sua vez diminuíram a freqüência cardíaca e pressão arterial do ouvinte, ao mesmo tempo em que reduziram os hormônios do estresse(cortisol).

De fato, a música é tão eficaz, que muitas participantes do sexo feminino até ficaram sonolentas – inclusive o pesquisador David Lewis-Hodgson aconselha não ouvi-la dirigindo. 

No comments:

Post a Comment

Postagens populares

Sites